Friday, February 10, 2006

Não estamos sós.

Hoje fomos encontrados - eu e a Carolina - por um casal de brasileiros.
Como são as coisas. Passei uns 15 minutos tentando capturar a fofinha para colocar a roupa para passear no lago do condomínio. Ela me deu uma canseira. Mas se isso não tivesse acontecido não teríamos trombado no André e na Luciana.
Entramos na área do lago e me sentei no gramado para preparar uma pipa modernosa que a Di me deu de presente. O vento não estava dando muito sinal de sua presença, mas tinha esperança de colocar o bichinho no ar.
A Carolina correu para o lago para ficar jogando pedras.
Eu me controlei para não dizer aquela velha ladainha "imagina se todo mundo que viesse aqui fizesse isso...em pouco tempo não ia ter mais lago". Deixa ela jogar pedras à vontade.
De repente aparece um vira-lata do meu lado e a fofinha corre para vê-lo.
Eu fala alguma coisa em português e depois emendo no inglês "look, the dog!" - obviamente bancando o pai-professor de inglês.
O dono do cachorro olha para mim e fala "você fala português?".
Eu me senti como aquele português da piada: "Que raio de língua é essa que estou cá a entendeire tudo?"
Demorou para cair a ficha. E devo ter feito uma cara de otário impressionante.
Pô, faz mais de 6 meses que não encontro ninguém que fale português por aqui. Brasileiros parecem com gnomos por estas bandas: muitos acreditam que existem, mas ninguém nunca viu um.
Eles eram brasileiros - eram dois, o André e a Luciana.
Estão aqui há 3 anos e ele trabalha na Sadia.
De repente fico sabendo que existe uma comunidade inteira de brasileiros - de verdade!
Eles se reúnem, festejam, fazem feijoada e jogam futebol. Do jeito que tem que ser os brasileiros.
São um monte e vivem agitando coisas para fazer.
Falamos até cansar - bom, pelo menos até eles cansarem porque eu poderia ficar falando em português por uns 3 dias sem parar.
Trocamos telefones e marcamos de ir num restaurante japa amanhã, que é quando a Dri chega de Atenas.
Que beleza!
Agora imagina se a Carolina não tivesse ficado fugindo de mim...

3 comments:

Luciana said...

Como uma representante dos "gnomos brasileiros" so posso dizer "ainda bem que a Carolina deu oleh em vc".
Prazer imenso conhece-los, espero que vcs gostem mais de Dubai e que nao cansem de falar portugues e dos seus novos amigos!
Grande abraco, Luciana
PS: So faltou dizer que o vira-lata em questao eh lindo (apesar de vira-lata)!

Adriana (Titcha) said...

Gui.... essa é a maravilha de viver! São essas pequenas-grandes coincidências que dão sentido à nossa vida!
Espero que a pequena "fuja" muito e que apareçam novos "vira-latas" em vosso caminho!
Beijos e saudades,
Dri
P.S. feliz pOPRIetária de uma vira-latas!!!!

somebody said...

酒店經紀人,

菲梵酒店經紀,

酒店經紀,

禮服酒店上班,

酒店小姐,

便服酒店經紀,

酒店打工,

酒店寒假打工,

專業酒店經紀,

合法酒店經紀,

酒店暑假打工,

酒店兼職,

便服酒店工作,

酒店打工經紀,

制服酒店經紀,

專業酒店經紀,

合法酒店經紀,

酒店暑假打工,

酒店兼職,

便服酒店工作,

酒店打工,

制服酒店經紀,